Segunda-feira, 4 de Maio de 2009

Diario de Bordo dos III Caminhos de Santiago 2009

Companheiros,

Nesta edição o nosso Diário de Bordo fico mais pobre pelo que pequeno percalço que nos aconteceu na noite passada em Caldas de Rei, que nos retirou qualquer possibilidade de deixarmos a nossa mensagem.

Assim para quem quiser partilhar o seu estado de espirito após ou mesmo antes de iniciar os Caminhos podem comentar neste post, que depois transcrevo para o n/ Diário.

Apenas solicito que se identifiquei com o nº do dorsal.

A minha mensagem.

Nadamelhor que para iniciar a III Edição dos Caminhos de Santiago que um poema de Sofia Mello Breyner.

Ás vezes, uma palavra.

Ás vezes, uma mão que se abre a outra mão.

Ás vezes, um grito.

Ás vezes, uma praça cheia de gente.

Ás vezes, um clamor.

Ás vezes, muitos rostos.

Vem aí outra jornada inesquecível para todos onde vamos encontrar momentos de Dor, Sacrificio, Alegria e Desanimo, mas como escreveu Shakespeare.

Peçam-me para correr, e eu serei capaz de haver-me com coisas impossíveis.

 

publicado por Álvaro Pinto às 21:04
link do post | comentar | favorito
|

.Quem Sou

.pesquisar

 

.Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Diario de Bordo dos III C...

.arquivos

. Janeiro 2015

. Maio 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.links

.Ultras visitantes

stats counter
Website Hit Counter
blogs SAPO

.subscrever feeds